quarta-feira, 29 de maio de 2013

Maquiagem simples... Perfeita!

terça-feira, 28 de maio de 2013

O Bilhete









"O marido chega em casa às 18 horas e diz à mulher que teria uma reunião às 22 horas, mas que ele não iria pois considerava isto um abuso. Mas a mulher, preocupada com o marido, o convence que o trabalho é importante. O marido então vai tomar um banho para se preparar e pensa: - "Foi fácil enganá-la!" Como toda mulher, quando o homem entra no banho, ela revista o bolso de seu paletó e encontra um bilhete onde estava escrito: - "Amor, estou esperando por você para comermos um pato ao molho branco. Beijão, Sheila". Quando o marido sai do banho encontra sua mulher com uma roupa sensual e toda fogosa. O marido não perde tempo e parte para o rala-e-rola. A mulher lhe dá um trato tão bom que o marido adormece... Quando vai chegando a hora, a mulher acorda o marido, que não quer mais ir à reunião, mas novamente ela o convence. Ao chegar na casa da amante, o marido cansado diz a ela que hoje trabalhou muito e que só iria tomar um banho e descansar um pouco. Como toda mulher, quando ele entra no banho, ela revista o bolso de seu paletó, e encontra um bilhete onde estava escrito: - "Querida Sheila, o pato foi, mas o molho branco ficou todo aqui. Beijão, a Esposa." "

Via Clube das Mulheres Perfeitas

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Tem quem goste!

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Lei da Busca Imediata - É necessário o Boletim de Ocorrência.

Cadastro Nacional de Crianças e Adolescentes Desaparecidos


"Em 17 de dezembro de 2009, foi sancionada a Lei nº 12.127/2009 que cria o Cadastro Nacional de Crianças e Adolescentes Desaparecidos, resultante de uma ampla discussão nacional somada aos trabalhos de investigação da CPI de Crianças e Adolescente Desaparecidos.

Em fevereiro de 2010 a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República – SDH/PR em parceria com o Ministério da Justiça - MJ e com o apoio da Rede Nacional de Identificação e Localização de Crianças e Adolescentes Desaparecidas - ReDESAP, desenvolveram o Cadastro Nacional de Crianças e Adolescentes Desaparecidas.

O Cadastro vem somar-se aos marcos normativos que resguardam os direitos humanos de crianças e adolescentes, conferindo-lhes prioridade absoluta, visando ampliar um esforço coletivo e de âmbito nacional para a busca e localização dos desaparecidos.

O Cadastro consiste em um banco de dados alimentado com informações sobre crianças e adolescentes desaparecidos, incluindo as pessoais, como também as informações relativas à identificação civil e à imagem. Mediante autorização dos cadastrantes, algumas das informações podem ou não ser exibidas ao público em geral, mas todas ficam disponíveis à rede de delegacias de polícia civil integradas ao cadastro para apoio à ações de busca, localização e identificação de desaparecidos.


O Cadastro possibilita o registro, a sistematização, a consulta, e a difusão de informações sobre casos de desaparecimento em todo o país, além de marcar o envolvimento de agentes de Segurança Pública, Governos de Estado, Conselhos Tutelares e da sociedade no enfrentamento pleno desta problemática.

Também facilita à família da criança ou adolescente desaparecido, o encaminhamento dos procedimentos de coleta de material genético para o Banco Nacional de DNA, ampliando as ferramentas de busca e apoio nas investigações.

Qualquer pessoa poderá registrar o desaparecimento de criança e adolescente. Os registros constantes do Cadastro Nacional levam em conta o sigilo das informações pessoais. Caso autorizada a divulgação do caso pelo cadastrante, somente serão disseminadas informações básicas, ficando, as específicas, disponíveis somente aos profissionais responsáveis pela busca, localização e identificação.


Boletim de Ocorrência (Polícia Civil):

Vale ressaltar que a inclusão de um registro de desaparecimento no Cadastro Nacional não substitui o Boletim de Ocorrência feito em uma Delegacia de Polícia, pois este é o instrumento que inicia formalmente o processo de investigação oficial para a busca e localização do desaparecido. Dessa forma, mediante o desaparecimento de uma criança ou adolescente o responsável deve procurar imediatamente uma Delegacia para notificar o ocorrido. Não é necessário esperar 24 horas para fazer o Boletim de Ocorrência, a Lei da Busca Imediata garante a investigação imediata de um caso de desaparecimento de criança ou adolescente."


Leia mais: http://www.desaparecidos.gov.br/

domingo, 19 de maio de 2013

Trovas & Trovadores


                                           TROVAS---Repasses
                                                -- respostas –

 "Não pode haver criação literária mais popular e que fale mais diretamente ao coração do povo, que a trova. É através dela que ele toma o seu primeiro contato
com a poesia. Por isso o trovador e a trova são imortais."
                                                                                                       --- Jorge Amado ---
                I                                                                      XV
Eu rezo pedindo apoio                                     É tão triste a minha casa,
para o Brasil ser feliz,                                      o meu lar é tão vazio...
mas ainda muito joio,                                      que a lareira acesa em brasa,
nos trigais do meu país.                                   ela própria sente o frio.
         -Marco Ant. Loureiro-                                                           - Gesy Barbosa -
              II                                                                    XVI
Também rezo, peço ao Senhor,                      Não é frio o nosso lar,
fazendo pedido igual.                                      venham invernos a fio,                             
Como cristão-trovador,                                   se a lareira ativar,
Adoro Brasil – Portugal.                                 nem nariz de cão, é frio!
                  - J. Pais de Moura –                                                  - J. Pais de Moura -
            III                                                                   XVII
Trovadores meus irmãos,                             Graças a um certo percalço                     
vamos viver de mãos dadas:                         encontras-te, enfim, marido...
onde há correntes de mãos,                          Como vês, um passo em falso                      
não há mãos acorrentadas!...                        nem sempre é... passo perdido.
           -José Maria M. Araújo-                                     - A. Dobella Mota - Portugal
            IV                                                                   XVIII
Trovadores até, à morte,                               Não por vaidade lhes digo,                                          
unidos de pare em pare,                                para quem quiser ouvir:
nossas correntes de fortes,                            serei sempre um bom marido,
não há ninguém... que as separe.                  mais quando, esteja a dormir!           
                      - J. Pais de Moura –                                               - J. Pais de Moura -
            V                                                                      XIX                                              Na partilha de teus bens,                             Nesta vida, amor é tudo,  
segue esta idéia que é linda:                         e só assim, sei viver.
Divide o pouco que tens                                Só não posso ficar mudo
com quem tem menos ainda.                        se o amor em mim morrer...
       - Maria Madalena Ferreira –                          -                       - P.R.Cecchette -
            VI                                                                     XX
Partilho também meus bens,                        Ter um amor é ter tudo,
pra muitos, não novidade,                             ter carinhos de quem ama.
não meu dinheiro. Só “vinténs.”                   Eu, jamais ficarei mudo
Partilho sim: Amizade!                                  quando com ela... na cama.
                       - J. Pais de Moura -                                                - J. Pais de Moura -
           VII                                                                      XXI
Se a vida é de curto brilho,                             Dona saudade, velhinha,
O amor é fonte sem fim...                                bordadeira paciente,
Quanto mais amor, partilho,                          não tem agulha nem linha,
mais amor Deus põe em mim.                         mas borda os sonhos da gente...
                - José Maria M. Araújo -                                      - Milton Nunes Loureiro -
                                                          
          VIII                                                                   XXII
Tenho amor, não só pra mim,                      Tive um sonho e bem bordado,
com outros também divido.                           - boa agulha, e forte linha -
Talvez por tal, talvez sim,                             verdadeiro, e no meu lado:                        por todos sou bem querido.                          ladina, minha vizinha.                                               .                  – J. Pais de Moura -                                                   - J. Pais de Moura -                                                                                                                                                                                                                                           
          IX                                                                            
Quem por cigarros se entrega
ás mãos do vício sem medos,
não percebe que carrega,                             Niterói/ Fevereiro/2013
a morte acesa nos dedos.                              José Pais de Moura Simões                      
           - Edmar Japiassu Maia -
           X
È o cigarro uma arma,
- o fumante é sabedor -
e do vício, não a desarma,
só quando pra cova for.
                   - J. Pais de Moura -
          XI
O sol vem... E faz algumas
distinções em seu caminho:
deixa um Palácio entre brumas,
cobre de luz um ranchinho.
           - Gilvan Carneiro da Silva -
         XII
Não sou o Rei do meu rancho,
mas no sol abrasador,
do calor não me desmancho,
basta enxugar meu suor!
                         - J. Pais de Moura -
         XIII
Sanfona bem afinada,
baixa o tom, sobe um bemol:
minha trova é uma jangada
com a vela inchada ao sol.
                 - Sávio Soares de Sousa -
         XIV
Da guitarra e bem trinada,
já perto do pôr-do-sol,
minha gata apaixonada
me pescou... sem ter anzol.
                          - J.  Pais de Moura -
                                               

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Para Vocês ... AMADAS MAMÃES!


                                            - Mensagem... Ás mães -

                                                  I                                                                                               
                                             É Mãe, palavra pequena,
                                             Que todos sabem de cor.
                                             Por ser tão doce e amena,
                                             Entre todas... A maior.

                                                  II
                                             Amor de Mãe é pureza,
                                             Profundo, tal é o mar.
                                             E, tal o céu, é grandeza,
                                             Tão tamanho o seu amar!
                                                                                    
                                                 III
                                             De tudo que existe de belo,
                                             Por ser tão doce tão terno...
                                             Criança de peito, ao colo,
                                             Saborear, leite materno.

                                                 IV
                                             Tantas coisas belas na vida,                                                                                                                                                                                     
                                             Mais bela, de enaltecer:
                                             Nossa Mãe, nossa guarida.
                                             “nos, trouxe ao mundo, a sofrer”

                                                  V
                                             Amor de Mãe é riqueza,
                                             Que um filho ganha ao nascer.
                                             Fui rico, tenho certeza!...
                                              “jamais, dela vou esquecer”

                                                  VI
                                             Existe amor inzoneiro,                                                                                                                  
                                             Foi, será tão casual.
                                             Com afinco, verdadeiro?
                                             Amor de Mãe... Sem igual!
                 
                                                 VII
                                             O amor se mais além,
                                             Nunca será impostor.  
                                             Pai é pai, mas... Mãe é Mãe!
                                             “não ingênuo... mais valor”   

                                                 VIII
                                              É mãe, um anjo divino,
                                              Na hora de dar à luz.
                                              Tem sofrimentos, destino...
                                              Iguais á Mãe de Jesus.
  Niterói/Maio/2013                                                                         José Pais de Moura                   

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails